Grupos de Apoio ao Luto: Importância e Funcionamento

grupos de apoio luto enlutado

Não é todo mundo que consegue lidar sozinho com a perda de um ente querido e o desafio de encontrar as atividades certas para trabalhar o luto. Nesse contexto, os grupos de apoio ao luto podem ajudar o enlutado a ressignificar a sua vida.

O luto é muito individual, ou seja, cada pessoa sente da sua maneira. Alguém que nunca passou por esse processo pode não saber muito bem como ajudar uma pessoa que está de luto.

Então, é comum que o enlutado não se sinta à vontade para conversar com alguém que não irá entendê-lo, pois só quem já sentiu a dor da perda sabe como é difícil.

Dessa forma, os grupos de apoio destinados às pessoas em situação de luto podem ajudar muito, pois a comunidade compartilhará vivências em comum.

É um momento fundamental para compartilhar histórias, dores e frustrações, além de buscar novos significados para a vida e tirar muitas dúvidas sobre a morte.

Continue a leitura para entender um pouco mais sobre a dinâmica dos grupos de apoio para o enlutado.

Qual é a importância dos grupos de apoio ao luto?

A morte de uma pessoa querida gera diferentes emoções para quem fica, como tristeza, raiva, solidão, sensação de culpa e medo, por exemplo.

Para quem nunca vivenciou o luto, pode parecer estranho ver alguém com essas oscilações de sentimentos.

O enlutado, muitas vezes, sente-se julgado por essas pessoas que não sabem como reagir ou acolher.

Por outro lado, os grupos de apoio ao luto são livres de julgamentos, afinal, muitas pessoas conseguem se identificar com o luto do colega ao seu lado, se colocando no lugar dele.

Ter a oportunidade de falar e ser entendido, além de ouvir e se identificar com o próximo, gera sensações de conforto, amparo e pertencimento.

Portanto, trata-se de um ambiente que preza pelo respeito à dor do outro, bem como a todas as emoções que cada um sente durante o luto.

Como o grupo de apoio deve ser conduzido?

Um grupo de apoio aluto não é simplesmente um lugar onde pessoas em luto se encontram e começam a falar da sua vida.

Como se trata de um tema muito delicado, os grupos de apoio ao luto devem ser conduzidos por um ou mais profissionais, geralmente psicólogos e/ou assistentes sociais.

Dessa forma, é possível observar a necessidade de cada grupo e indivíduo, evitando que as reuniões fiquem sem um objetivo.

O caráter dos encontros é de conversa, acolhimento, troca de experiências e suporte profissional, ou seja, é fundamental ter um especialista que conduza esses momentos.

Vale lembrar que não é porque são reuniões grupais que todos precisam falar ou compartilhar algo.

Como o luto é bastante individual, o direito de ficar em silêncio é e deve ser respeitado por todos.

É comum que algumas pessoas vão para os grupos de apoio apenas para ouvir o que está sendo dito e, assim, se sintam amparadas com a escuta.

Regras de convivência

Para que os grupos de apoio possam ser eficientes, é importante se atentar a algumas regras de convivência.

Geralmente, os encontros seguem regras como:

  • Respeitar a dor do outro, mesmo que ela não seja parecida com a sua
  • Não fazer julgamentos ou comparar a dor das pessoas
  • Não expor a vida e a dor das outras pessoas para quem não está no grupo, respeitando o luto e a história de todos
  • Não discutir religião, a menos que exista um acordo entre todos os integrantes

Pessoas que podem participar

Geralmente, os grupos de apoio ao enlutado são indicados para pessoas que vivenciaram uma perda no período de três meses a três anos.

Mas claro que outros enlutados que não estão nesse intervalo também podem se beneficiar com os encontros.

Segundo Ana Lúcia Naletto, psicóloga e co-fundadora do Centro Maiêutica de Psicologia, é recomendado que crianças com menos de 11 anos não participem dos grupos de apoio ao luto.

Isso porque as crianças observam a perda de um ente querido de uma forma diferente dos adultos.

Diante disso, existem oficinas infantis, que são semelhantes aos programas de apoio ao enlutado, mas que possuem atividades adequadas para a idade.

Se você quer saber um pouco mais sobre o luto infantil, clique aqui e veja em nosso blog como lidar com a perda entre crianças.

Onde buscar ajuda?

grupos de apoio luto enlutado online

A forma mais fácil de encontrar um grupo de apoio às pessoas de luto é pesquisando na internet. Você pode procurar por grupos na sua cidade ou região pesquisando “grupo de apoio ao luto + nome da cidade” ou entrando em contato com o serviço social ou universidades da sua localidade.

Após a pandemia da Covid-19 se popularizaram os grupos de apioi ao luto com reuniões virtuais.

Dessa forma, ficou mais fácil participar de um programa de apoio de outro estado do país, caso não encontre opções na sua cidade.

Confira algumas opções de grupos de apoio ao enlutado:

A rede social Facebook, conhecida por seus grupos fechados, também é uma opção para encontrar suporte em tempos difíceis. Além de criar espaços de diálogos, muitos destes grupos ajudam as pessoas a encontrarem grupos presenciais em suas respectivas regiões. Confira alguns grupos:

Você não está sozinho!

De fato, a perda de um ente querido pode abalar muito o nosso psicológico e, muitas vezes, não sabemos como reagir.

Porém, é importante entender que você não está sozinho nesse momento, pois existem diversas pessoas ao seu redor que podem e querem te ajudar.

Os grupos de apoio ao luto são apenas uma das alternativas para compreender o luto e buscar ajuda em um momento delicado.

Uma das formas de se despedir da melhor maneira daqueles que amamos é contar com o suporte e o apoio de uma assistência funerária.

Com um plano funerário, toda a família pode ficar despreocupada em relação aos trâmites e burocracias que um funeral demanda, sobrando tempo para uma despedida respeitosa.

Se você deseja garantir tranquilidade e bem-estar para toda a sua família, conte com os planos funerários do Grupo Zelo, a maior e melhor assistência funerária do Brasil.

Clique aqui e conheça o Grupo Zelo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima

ASSINE A NEWSLETTER DO BLOG DO GRUPO ZELO!

Luto, cultura, espiritualidade e muito mais. Receba nossos conteúdos em seu e-mail.